11 de Dezembro de 2018 -
 
29/11/2018 - 09h00
Casos positivos de HIV aumentam em 8,5% em Dourados com 120 novos casos e 26 óbitos
Ações serão realizadas em vários pontos da cidade de Dourados durante o mês de dezembro
Izomar Galeano
Agora News

Um levantamento feito pelo Departamento de Vigilância em Saúde da Secretaria de Saúde de Dourados mostra um aumento de 8,5% nos casos positivos de HIV/AIDS. Do ano de 2017 para 2018 o aumento nos números de soropositivo dobrou saindo de 65 para 120 casos.

Os exames foram realizados entre os meses de janeiro a outubro de 2018 com 1.424 exames realizados. Segundo dados levantados pelo Programa Municipal de DST/Aids e Hepatites Virais 59 pacientes abandonaram o caso e 26 óbitos foram confirmados. Dos 120 resultados positivos 90 são de homens e 30 são de mulheres. Hoje em Dourados existem 1.120 pacientes em tratamento e que fazem uso do coquetel.

O dezembro vermelho tem como objetivo conscientizar a população do mal que causa a doença que são transmitidas por relações sexuais, transfusão de sangue e uso de drogas principalmente injetáveis que passam por duas ou mais pessoas. O ato sexual sem camisinha também é um dos fatores primordiais para a transmissão da doença.

A Lei Federal nº 13.504, de 7 de novembro de 2017 e a lei Municipal nº 4.172 do ano de 2018 institui o “Dezembro Vermelho” que visa incorporar um conjunto de ações para a prevenção do HIV/AIDS, bem como o fomento à assistência, à proteção e à promoção dos direitos humanos das pessoas que são acometidas pela doença na perspectiva de se alcançar maior conscientização e de se romper barreiras do preconceito e discriminação que ainda existe contra esse segmento da população.

Além do HIV, outras doenças são monitoradas pelo programa como: Sifilis, Hepatites virais, Sifilis congênita de gestantese e outras doenças sexualmente transmissíveis.

Números preocupantes

Dos 120 casos positivos confirmados neste ano de 2018 são distribuídos entre homens e mulheres, dos quais estão infectados com a doença 90 homens de 30 mulheres e divididos da seguinte forma:

Adolescentes: 19 pacientes (entre 11 e 20 anos).

Gestantes: 08 pacientes (com idade variável)

Crianças: 08 pacientes (de zero a 10 anos).

Idosos: 40 pacientes (acima de 60 anos).

Campanhas de Conscientização

Neste período do “dezembro vermelho”, o Programa Municipal de DST/Aids e Hepatites Virais da Secretaria de Saúde do município irão realizar uma programação intensa para prevenir e alertar as pessoas sobre a doença que pode afetar as pessoas. A campanha tem como objetivo reduzir a mortandade, a morbidade e prevenir a transmissão do HIV, levando em conta qua a finalidade do tratamento é deixar a carga viral suprimida.

A campanha terá início no dia 30/11 pela manhã com uma blitz informativa para caminhoneiros no Posto da Base da PRF (Polícia Rodoviária Federal) na BR 163. O encerramento da campanha será no dia 09/12 com ação preventiva no Clube Ubiratã no período vespertino.

Na Câmara municipal

À convite da Vereadora Lia Nogueira (PR), o Coordenador do Programa IST/Aids e Hepatites Virais, Emerson Correa fará o uso da palavra na tribuna livre da Câmara Municipal de Dourados no dia 03/12 as 17h30 para discorrer sobre a campanha e a importância da prevenção e luta contra a aids no Brasil, no estado e no município de Dourados. O departamento de Vigilância em Saúde irá realizar diversas ações para o combate a Aids no mês de dezembro.

 

 

 

 

publicidade
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
© 2013 - AgoraNews.com.br - Todos os Direitos Reservados

É expressamente proibida cópia, reprodução parcial, reprografia, fotocópia ou qualquer forma de extração de informações deste sem prévia autorização dos autores conforme legislação vigente.
Desenvolvido por:
Ribero Design
(67) 9979-5354