22 de Setembro de 2018 -
 
08/07/2018 - 17h25
CBF oficializa convite para Tite permanecer no comando da seleção brasileira
Após dois anos como treinador da seleção do Brasil, Tite pode se tornar o primeiro a permanecer no cargo mesmo depois de eliminação em Mundial
Redação
Por IG Esporte
TITE, continua na seleção brasileira - (Foto: Lucas
Figueiredo/CBF)

Apesar da eliminação da seleção brasileira nas quartas de final da Copa do Mundo de 2018, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda quer a permanência de Tite no comando da equipe. Os rumores eram feitos pela imprensa logo depois da derrota por 2 a 1 para a Croácia, mas o convite foi oficializado pela entidade.

Rogério Caboclo, chefe da delegação e futuro presidente da CBF, se reuniu com Tite em Kazan, logo após a partida que eliminou a seleção brasileira. A permanência do treinador no comando do time é inédito. Vale ressaltar, que nunca um técnico foi mantido após a elimanação de um Mundial.

Para que o ex-Corinthians siga no comando, teriam sido oferecidas as mesmas condições e estruturas dos dois anos nos quais Tite permaneceu no comando da equipe. O treinador , por sua vez, agora de folga, teria pedido um tempo para poder dar a resposta.

Após a eliminação do Mundial russo, Tite não se pronunciou sobre seu futuro na seleção. No entanto, alguns jogadores são a favor do treinador continuar no cargo. "Eu acho que ele tem de permanecer porque faz um trabalho muito bom. É muito preparado e ainda tem muito a oferecer à seleção brasileira", afirmou Miranda.

"Eu sempre sou a favor de continuação de treinador, ainda mais na seleção brasileira . Um ano em um clube é uma coisa. Na seleção, você não tem tempo. Então, ele e a comissão, que estão fazendo um ótimo trabalho, devem continuar", disse Renato Augusto.

Leia também: Tite defende Fernandinho após gol contra e deixa seu futuro incerto na seleção 
"Se você pegar a passagem do Tite pela Seleção, em 26 jogos, houve duas derrotas, quatro empates e 20 vitórias. É Copa do Mundo, se não conquistar, vai sempre ser questionado. Mas todos nós, brasileiros, sabemos da importância do Tite, da revolução que ele fez no nosso futebol . Na minha opinião, como torcedor, Tite tem de permanecer", opinou Gabriel Jesus.

publicidade
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
© 2013 - AgoraNews.com.br - Todos os Direitos Reservados

É expressamente proibida cópia, reprodução parcial, reprografia, fotocópia ou qualquer forma de extração de informações deste sem prévia autorização dos autores conforme legislação vigente.
Desenvolvido por:
Ribero Design
(67) 9979-5354