06 de Abril de 2020 -
 
12/03/2020 - 13h00
VEJA VÍDEO: Está preso em Amambai homem que matou a tiros o ex-prefeito Dirceu Lanzarini
Assita o vídeo do momento em que o acusado foi entregue as autoridades pelo seu advogado
Izomar Galeano
Agora News
Luis Fernandes já na delegacia da polícia cívil de Amambai

Luis Fernandes, o “Paraguaio”, se apresentou na manhã desta quinta-feira (12/03) para a Polícia Civil da cidade de Amambai no Conesul do estado.

O acusado de matar o ex-prefeito Dirceu Lanzarini e ferir seu genro foi entregue a polícia por um advogado criminalista próximo a uma estrada que corta aquela região á beira de uma reserva de mato e uma plantação de milho. 

Conforme foi registrado em fotos e vídeo pela família do acusado e seu advogado, foi um momento de muita emoção para a família, pois Luiz Fernandes estava acompanhado da esposa e dos filhos.

Uma das filhas chegou a desmaiar no momento que a polícia chegou ao local de helicóptero para prender o acusado que já estava com pedido de prisão preventiva e também indiciado pelo assassinato de Dirceu Lanzarini.

Segundo o que foi apurado pela nossa reportagem, ouve um acordo por parte de seu advogado para que Fernandes fosse entregue as autoridades policiais. Paraguaio chegou à delegacia acompanhado de seu advogado e interrogado pelos delegados Marcos Werneck, da Polícia Civil, e Ricardo Cavagna, da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira).

Luis Fernandes estava sendo procurado por uma força tarefa da polícia civil no lado brasileiro e por policiais paraguaios no vizinho país. O homem estava foragido desde o dia do crime em 24 de fevereiro, portanto á 17 dias. Paraguaio foi entregue por seu advogado André Luiz Prieto.

ASSISTA VÍDEO DO MOMENTO DA PRISÃO

publicidade
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
© 2013 - AgoraNews.com.br - Todos os Direitos Reservados

É expressamente proibida cópia, reprodução parcial, reprografia, fotocópia ou qualquer forma de extração de informações deste sem prévia autorização dos autores conforme legislação vigente.