11 de Abril de 2021 -
 
07/04/2021 - 06h20
NOTA: Vereadora Liandra comunica sua saída como relatora da recém criada CPI do covid da Saúde de Dourados
Vereadora do PTB divulgou a nota da saída da CPI na noite desta terça-feira
Redação
Agora News
Liandra Brambilla é vereadora do PTB de Dourados -
Foto: Valdenir Rodrigues. 

Desde o anúncio dos integrantes da Comissão Parlamentar de Inquerito (CPI) que recém foi criada na Câmara Municipal de Dourados para investigar dinheiro que foi enviado pelo governo federal para o município de Dourados que pode ter sido gasto indevidamente no ano de 2020 na gestão passada.

Os integrantes foram anunciados pelo Presidente da Câmara Laudir Munaretto (MD), ainda na sessão da última segunda-feira (05/04) conforme o regimento interno.

Foram anunciados como Presidente da CPI o vereador Republicano Fábio Luis, autor do objeto que levou a aprovação da comissão, como Relatora a vereadora Liandra Brambilla (PTB) indicada pelo bloco o qual ela participa e como membro o vereador e médico Diogo Castilho (DEM), também indicado pelo bloco que ele faz parte. Segundo consta no regimento interno que é validada as indicações

Liandra da Saúde como é conhecida ficou incomodada com a indicação devido as falácias em redes sociais e de algumas matérias jornalística que a apontavam como uma "escolhida", por ela ter sido ligada a ex-prefeita Délia Razuk durante sua gestão que seria uma espécie de acordo que teria sido feito. Diante desta situação e não concordando com as falácias e comentários que surgiram durante todo o dia de ontem, a vereadora Liandra tomou a decisão de se afastar e não mais participar da CPI recém criada na câmara. Na noite de ontem (06/04), a vereadora divulgou uma nota sobre a sua decisão que segue abaixo.   

NOTA Á POPULAÇÃO

Eu vereadora Liandra da Saúde, venho a público comunicar a minha desistência da função de relatora da “CPI da Covid-19”, instaurada pela Câmara de Vereadores Dourados, primeiro por ouvir minha família, e prezar pela transparência dos atos públicos, e entendendo que a minha decisão fortalecerá o Legislativo que integro e respeito.

Informo, que a minha participação nesta CPI não foi por uma escolha minha, e sim, pelo bloco legislativo que faço parte, e friso ainda que todas as decisões da Câmara estão firmadas no Regimento Interno, sendo assim a mesa diretora tem o dever de seguir e cumprir suas normativas.

Agradeço a confiança conferida a mim, pelos meus colegas do bloco “Força Legislativa” ao me indicarem e entenderem que a minha participação seria necessária, devido a minha atuação profissional na área da saúde, e que a experiência que tivera outrora, contribuiria neste momento onde serão apurados possíveis divergências nos gastos relativos ao enfrentamento da Covid-19, no município.

Destaco que continuo a disposição e preparada para enfrentar todo e qualquer desafio pertinente ao meu mandato, mandato este confiado pelo povo douradense.

Na minha vida pessoal, nunca fugi de qualquer responsabilidade que me foi confiada, é esse declínio, não se assemelha a uma fuga, e sim, a um entendimento pessoal, sobre como poderia contribuir para elucidar as questões que serão suscitadas.

Agradeço a confiança conferida pelos meus pares, e principalmente, dos meus colegas do bloco Força Legislativa, que tem me dado toda sustentação necessária neste momento.

Acredito num Legislativo forte e transparente, desejo sucesso aos companheiros que  estarão nessa missão árdua de investigação, e que assim como eu, conduzirão da forma mais proba, ilibada e correta possível. Boa sorte, e que Deus nos abençoe e nos guarde sempre.

Dourados, 06 de abril de 2021.           Vereadora Liandra da Saúde – PTB

 

NOVO INTEGRANTE

Diante da desistência da veradora Liandra da Saúde (PTB), um novo membro do bloco "Força Legislativa" deve ser anúnciado nas próximas horas, pois a vereadora já protocolou o ofício da sua decisão na secretaria da Câmara Municipal de Dourados. 

 

publicidade
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
© 2013 - AgoraNews.com.br - Todos os Direitos Reservados

É expressamente proibida cópia, reprodução parcial, reprografia, fotocópia ou qualquer forma de extração de informações deste sem prévia autorização dos autores conforme legislação vigente.