20 de Abril de 2019 -
 
06/02/2019 - 12h00
Operação contra pedofilia termina com 5 presos e até militar vai em cana
A ação contou com 44 agentes e cumpriu 11 mandados de busca e apreensão na Capital e no interior do Mato Grosso do Sul
Anna Gomes
Topmidianews/Agoranews
Delegados na coletiva de imprensa - Foto: André Abreu

Cinco homens foram presos, entre eles até um militar da Marinha, durante a operação da Polícia Federal deflagrada na manhã desta quarta-feira (6). A ação contou com 44 agentes e cumpriu 11 mandados de busca e apreensão na Capital e no interior do Mato Grosso do Sul.

Em coletiva de imprensa, os delegados Cleo Mazzoti, Fabricio Martins Rocha e Fernando Rocha relataram que, durante as buscas, os policiais conseguiram encontrar material pornográfico com os suspeitos e pelo menos cinco acabaram presos em flagrante.

No total, foram cumpridos mandados de busca nas cidades de Campo Grande,  Naviraí, Jardim, Chapadão do Sul e Miranda.

“Os suspeitos não possuem vínculos uns com os outros. Após investigação, conseguimos chegar até os envolvidos e alguns acabaram presos em flagrante por estarem com material pornográfico nos computadores, celulares ou qualquer outra mídia”, ressaltou o delegado Fabio Rocha.

Três pessoas foram presas em Campo Grande, uma em Naviraí e outra em Jardim. De acordo com os delegados, todas as prisões aconteceram nas residências dos suspeitos.

Segundo Mazzoti, o pedófilo não possui um perfil, pode ser qualquer pessoa, não importa a profissão ou a idade. “Às vezes quem comete esse crime é até uma pessoa normal na sociedade, mas que tem uma mente doentia e nossas crianças pagam caro por isso”.

O delegado Fabricio diz que a PF vai continuar investigando os crimes de pedofilia e ressalta que mesmo sendo pela internet, a polícia consegue descobrir. “Estamos atacando o destinatário final, que são as pessoas que consomem e têm participação desse crime, que é macabro, contra todas as crianças e os adolescentes”, disse.

Durante os cumprimentos dos mandados, vários computadores, celulares e outros aparelhos de mídia foram apreendidos e serão averiguados pela polícia.

publicidade
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
© 2013 - AgoraNews.com.br - Todos os Direitos Reservados

É expressamente proibida cópia, reprodução parcial, reprografia, fotocópia ou qualquer forma de extração de informações deste sem prévia autorização dos autores conforme legislação vigente.