27 de Janeiro de 2020 -
 
18/12/2019 - 12h00
Preso por suspeita de furto de água da transposição do São Francisco, prefeito diz à PF 'que não sabia que era proibido'
Clebel Cordeiro foi preso em flagrante na terça (17) e levado para a Delegacia da Polícia Federal em Salgueiro, onde prestou depoimento
Redação
Por G1 Petrolina
Prefeito de Salgueiro, Clebel Cordeiro — Foto:
Emerson Rocha

Preso em flagrante na terça-feira (17) por furto de água da transposição do rio São Francisco para o seu sítio e invasão de terras públicas, o prefeito do município de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, Clebel Cordeiro (MDB), disse em interrogatório na Delegacia da Polícia Federal (PF) que não sabia que era proibido retirar a água da barragem, de acordo com a nota divulgada pela PF.

“Em seu interrogatório, o político informou que não tinha conhecimento de que era proibido usar e retirar a água da barragem Mangueira e que devido a esse desconhecimento retirava a água e usava para irrigar as plantações de maracujá, manga e limão e que tem consciência que não havia invadido as terras da união e que se recorda que houve um processo de desapropriação da terra antes do início das obras da transposição do Rio São Francisco”, diz a nota.

Segundo a PF, o Mandado de Busca e Apreensão no Sítio Mulungu, que pertence a Clebel Cordeiro, foi expedido pelo juízo da 20ª Vara Federal de Salgueiro. No local, os policias constataram que na propriedade estava havendo a retirada de água da barragem do canal do São Francisco através de bombas elétricas e que o terreno também estava avançando dentro da propriedade da União.

 

publicidade
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
© 2013 - AgoraNews.com.br - Todos os Direitos Reservados

É expressamente proibida cópia, reprodução parcial, reprografia, fotocópia ou qualquer forma de extração de informações deste sem prévia autorização dos autores conforme legislação vigente.